SPAMM - 4BR3 4 tU4 M3NT3, D35con3c+4

19 Março a 2 Maio

WATCH DIGITAL ART AND STAY SAFE AT HOME / Go with The Flow!

ARTISTAS : Aaron Hayes, Adem Elahel, Agnam Yrrech, Alba Rocca, Alina Kashitsyna, Alix Desaubliaux, Andres Manniste, Antonio Roberts, Armin Copp, Ben-Grosser, Benjamin Gaulon, Billy Gruner, Christian Petersen, Claudia Hart, Claudia Maté, Dafna Ganani, Danial Nord, Dasha Ilina, David Kagan, Diane Coudray, Diego Ramos, Diogo De Tita, Don Miller, Doro Electrolo, Edward Kulemin, Elena Romenkova, Eleonora Quadri, Elle Thorkveld, Fabian Forban, Faith Holland, Filipe Matos, From David Legrand, Heather Lyon, Hernan Arambarri, Hernando Urrutia, Ian Heil, Jasper Elings, Jeremy Griffaud, Jeremy Rotsztain, Joacelio Batista, Jorge Sellés, Josefin Jonsson Pastelae, Joseph Nenci, Judith Van Den Berg, Kenneth Jeffrey, Laura Hyunjhee Kim, Loïc Sutter, Luis Carlos Rodríguez, Marcell Muranyi, Marina Glez Guerreiro, Mark Klink, Milad Forouzandeh, Milos Peskir, Nicole Rugiero, Oblinof Kohara, Oliver Haidutschek, Paul Hertz, Pedro Veneroso, Pierre Ajavon, Pitch Shifting, Potentiel, Raphaël Moreira Gonçalves, Saveme Oh, Susanne Layla Petersen, Systaime, Tudor Ciurescu, Xavier Leton, Xavier Madrid, Yohanna Ovalle, Yoshi Sodeoka, Zil&Zoy, Zves Konstantinos

CURADORIA : Systaime e Zaratan
LIVE STREAM : 19 Março 2020 às 19h00
ONLINE: 20 Mar - 16 May 2020 | Qui-Dom, 16: 00–20: 00
ENDEREÇO : www.zaratan.pt
INFO : +351 965218382 | info@zaratan.pt
APOIO : República Portuguesa - Cultura / Direção-Geral das Artes

Para os próximos meses tínhamos planeado apresentar SPAMM - Abre a Tua Mente, Desconecta", uma exposição colectiva com curadoria conjunta da Zaratan e do artista Francês Michäel Borras, mais conhecido como Systaime.

A nossa proposta inicial para esta exposição era apresentar fisicamente parte da coleção do SPAMM - Super Modern Art Museum (http://spamm.fr), intercalada com trabalhos selecionados por candidatura espontânea.

O momento para este projeto é certamente fortuito: diante do estado atual de hibernação relacionado ao COVID-19, podemos ainda lidar com os médias digitais e reunir com a comunidade artística no mundo virtual.

Afastando-nos da instalação de uma exposição física, vamos em direcção de lugares assépticos na elaboração de estratégia diferentes. O que torna uma exposição real? Como podemos recriar um encontro significativo entre as pessoas e as criações artísticas dentro das condições actuais?

De repente a exposição começou a tomar a forma de uma plataforma artística: uma junção de pessoas antes de uma colecçã de objectos estéticos a serem passivamente contemplados. Considerando a cultura on-line como uma força de vanguarda numa era prestes a colapsar, nas próximas 8 semanas continuaremos a fazer e divulgar arte em rede - ficando em casa e estando em toda o parte simultaneamente.

Durante o horário de funcionamento da galeria [Qui-Dom, 16h-20h] haverá a transmissão em live streaming de vídeos/animações/gifs na página de Facebook da Zaratan; um fluxo de criações digitais que combina trabalhos do arquivo SPAMM com novas peças que recebemos por meio de candidaturas espontâneas, e que continuará a crescer e a mudar durante a duração do projecto. Apresentamos ainda um denso programa paralelo de eventos em live streaming: performances, vj set, concertos, screening, debates e outras formas de interacção virtual que jogam com as infinitas possibilidades das tecnologias digitais

Esses múltiplos eventos ao vivo nos permitiram eliminar a distância entre pontos geográficos e reunir uma comunidade complexa de artistas locais e internacionais - todos eles fechados em casa por prescrição governamental.

Com esta experiência esperamos aproveitar a capacidade dos média digitais de interromper o nosso relacionamento anterior com o tempo e o espaço, bem como com concepções do real e com questões metafísicas maiores.

A revolução da arte digital é agora! Junta-te a nós!